Neste 18ª edição, a publicação apresenta os indicadores de desempenho da saúde suplementar consolidado em 2020, ano marcado pela pandemia da COVID-19 e seus efeitos sobre a economia brasileira. Apesar destes efeitos, a geração positiva de empregos formais no Brasil contribuiu para a recuperação do setor de planos de saúde nos dois últimos trimestres, período em que ambos os mercados de planos – médico-hospitalares e exclusivamente odontológicos – apresentaram crescimento do número de beneficiários.

A sessão especial analisa os resultados da Pesquisa Nacional de Saúde Bucal de 2019, divulgada pelo IBGE. Foram analisados os indicadores referentes à qualidade do cuidado bucal da população brasileira, incidência de problemas odontológicos e características da assistência à saúde bucal. A pesquisa também indica que a saúde bucal no Brasil é amparada majoritariamente pela saúde privada. Destaque especial para o fato de que três quartos das consultas odontológicas (75%) são realizados em unidades privadas de atendimento.

Esperamos que a publicação deste material possa contribuir com o planejamento e a tomada de decisão dos gestores, e dessa forma promover a melhoria contínua e o desenvolvimento das atividades das operadoras de planos de saúde.

Baixar PDF

 

Compartilhe este conteúdo:

 

 

Rua Treze de Maio, 1540 - Bela Vista - São Paulo - SP | CEP.: 01327-002
Tel.: 11 3289-7511 / 11 4508-4799 / 11 4508-4774
© 2014 - Todos os direitos reservados

Política de privacidade

CERTIFICADO ISO 9001:2015

ISO:9001

Para melhorar a sua experiência em nossos serviços, personalizar publicidade e recomendar conteúdo de seu interesse, nós utilizamos cookies e tecnologias semelhantes. Para navegação funcionar corretamente será necessário política de privacidade